Brasil, SP, , , |

Ajude a FCCC a combater os fenômenos do Sul e Sudeste. Para ajudar nas operações da Fundação nesses locais, você pode colaborar de duas formas:

Artigos, Clima no Brasil, ENERGIA

Agência Canal Energia

Risco de racionamento de energia cai pela metade, calcula PSR

São Paulo, 4 de fevereiro de 2013

A consultoria PSR divulgou nesta segunda-feira, 4 de fevereiro, novas estimativas acerca do risco de o país precisar decretar um racionamento de energia ao final do período úmido, ou seja, depois de abril. Em seu novo Energy Report (o estudo pode ser adquirido aqui), referente ao mês de janeiro, a empresa calculou em 4,3% a possibilidade de o governo precisar tomar alguma medida no sentido de restringir o consumo de energia elétrica. No início de janeiro, a equipe técnica de Mário Veiga, presidente da companhia, estimou o risco em 9%.

Para fazer a avaliação, a PSR utilizou os dados do Programa Mensal da Operação (PMO) de fevereiro, elaborado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico. Neste documento, as previsões da Energia Natural Afluente (ENA) para o segundo mês do ano estão maiores do que aquelas verificadas em janeiro. Esse parâmetro contribuiu bastante para a redução da probabilidade de racionamento. O operador espera que a ENA no Sudeste atinja 93% da Média de Longo de Termo (MLT) em fevereiro. No Nordeste, a expectativa é de 70% da MLT. Em janeiro, no Sudeste, a ENA ficou em 82% da MLT, enquanto que no Nordeste o índice atingiu 33%.

Fonte:

Milton Leal / Agência Canal Energia
Compartilhar: